Domingo, 7 de Setembro de 2008

Citibank listagem de reclamações

Parece que não sou o único com problemas com o Citibank.

Vou actualizar esta entrada com links para outras reclamações acerca do Citibank.

Comentem se souberem de mais.

[edit: 13 Jan 2009]

A sua experiência com o Citibank foi/é:
( surveys)
publicado por atirador às 00:15
link do post | favorito
De Maria José Marques a 28 de Dezembro de 2008 às 21:35
Eu nada devo nem nunca devi ao Citibank estou a ser vítima de extorsão por parte desses senhores,deixo-lhes aqui cópia da carta que enviei a diversas entidades para além da queixa que apresentei no Banco de Portugal, e meus amigos nunca se esqueçam de apresentar queixa no Banco de Portugal é fácil através do site portal do cliente bancário, quantos mais formos mais atenção despertaremos, e já agora no provedor de Justiça.
Exmos. Srs.
No dia 19 de Setembro cancelei o cartão adicional Visa do Citibank (cartão atribuído à minha filha),através da linha citiphone 24h em virtude da portadora ter dado pela falta do mesmo aquando da sua viagem da Hungria para a Áustria.
No momento em que efectuei o cancelamento informaram-me que o referido cartão já se encontrava bloqueado pois era um procedimento de segurança quando se verificavam compras no estrangeiro. Perguntei se havia movimentos já efectuados no cartão e foi-me respondido que não.
Com enorme surpresa fui contactada no início de Outubro por um elemento do Departamento Anti-fraude que não se identificou dizendo que havia compras efectuadas no mesmo dia em que cancelei o cartão, no montante de 851,03 euros, valor este superior ao plafond do cartão que era de 500 euros.
Informou que iriam enviar uma carta de disputa, Procedi ao envio utilizando as duas formas no dia 20.10.2008, e passado algum tempo liguei para a linha de atendimento ao cliente e ninguém me confirmou o envio da documentação.
Durante todo este tempo continuei a pedir informações que nunca me foram prestadas.
No dia 13.11.2008 recebo nova carta datada de 04.11.2008, a solicitar novamente a carta de disputa, bem como participação policial o que nunca houvera sido solicitado.
Faço novo envio de todos os documentos bem como a participação policial e ao Ministério Público no dia 21.11.2008 por fax e também por correio para a morada constante no ofício, desta vez com registo e aviso de recepção, o qual foi recepcionado em 24.12.2008.
Cerca de oito dias após o citado envio, novamente para a linha de atendimento ao cliente e após muita insistência para me informarem da recepção da minha correspondência informam-me que tenho que esperar e que a partir do momento em que um cartão é roubado a responsabilidade é do cliente.
Em 12.12.2008, recebo nova carta datada de 28.11.2008, desta vez endereçada à minha filha (não se percebe porquê, pois sou eu a titular da conta e sempre me foi afirmado que a reclamação é da obrigação exclusiva do titular) informando-me que a minha reclamação não poderia ser atendida porque nos termos do ponto 5.1 do contrato, o extravio do cartão deveria ser comunicado de imediato através da linha Citiphone 24, o que só teria vindo a acontecer no dia 24.11.2008 (o que de todo não corresponde à verdade uma vez que o contacto para a linha, foi efectuado de imediato), pelo que as compras efectuadas no dia 19.09.2008 eram da minha responsabilidade.
A minha surpresa e indignação foi total. Cumpri todas as formalidades, quer as do ponto 5.1, ou seja a comunicação imediata do extravio, bem como as do ponto 5.2 do citado contrato que refere: "O titular do cartão ficará isento de quaisquer responsabilidades relacionadas com a utilização do cartão antes e depois do seu telefonema para o Citiphone 24h e até ao total da linha de crédito utilizada".
Hoje dia 28.12.2008 liguei novamente para o Citybank e informam que o cancelamento do cartão ocorreu em 05.12.2008, outra data nova, completamente diferente da anterior.
Perante esta resposta algumas questões se levantam:
- Como é possível fazer compras com um cartão cancelado?
- Como é possível utilizar um plafond superior ao contratado?
- Até quando terei que esperar pelo envio das cópias dos talões de compras, que já solicitei em Outubro, e que até à presente data não me foram enviados?
- O que fazer para conseguir ter acesso às gravações dos telefonemas como forma de provar a data precisa do cancelamento do cartão (dia 19.09.2008 das 20,40h às 20,50h).
Pedindo desde já desculpa pela extensão do mail, a minha intenção é avisar todos os incautos para que não acreditem nesta linha uma vez que ficamos s
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.analytics

.RSS

Subscribe in a reader

.adsense

.pesquisar

 

.mais sobre mim

.posts recentes

. What we've got here is a ...

. Qual era mesmo a notícia?

. PR,DN,CM,LOIC,PJ

. Puta que os pariu

. Um bocado confuso, não?

. Leva, para onde?

. Internet não é World Wide...

. Nós por cá... o Citibank ...

. Cientista desmente custos...

. T-fixo da CGD

. Citibank Portugal: Fim

. OqueéoPIN?

. Parajornalista

. Jornalistas no pódio das ...

. Citibank Portugal 3

. Citibank listagem de recl...

. Citibank Portugal 2

. Escrita das notícias "onl...

. Citibank Portugal

. Gustavo, Gustav ou "Gusta...

.Setembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
29

.arquivos

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

.tags

. todas as tags